To read any post in English, click on Read more.

In other words...

Thursday, 3 April 2014

Dezasseis / Sixteen


O meu irmão nasceu ainda agora. Estava no Cidade do Porto, junto ao McDonald's, quando a minha mãe me contou que estava grávida, tinha eu nove ou dez anos. Era o meu sonho: ter um bebé em casa para andar ao colo, a mudar fraldas, a dar papinhas. Mal eu sabia o trabalhão que isso dava e que a dose ia ser repetida quatro anos mais tarde (já lá iremos).
O meu irmão foi um dos bebés mais bonitos que já vi, era fofo e apetecia agarrar o tempo todo.
Hoje (ontem) fez dezasseis anos e eu não sei bem como é que o tempo passou assim a correr: já é mais velho do que eu quando o vi pela primeira vez, experimentou pela suposta primeira vez um copo de vinho e tem uma namorada. Namorada essa que me tratou por você. Consegui perceber porquê: sou baixinha, tenho comportamentos de criança, rio e falo alto mas, no fundo no fundo, sou dez anos mais velha do que ela, tenho um curso e sou casada.
Hoje senti-me, acho que pela primeira vez, velha.



My brother was just born. I remember being in a mall, in the centre of Oporto, near McDonald's, when my mum told me she was pregnant. I was nine or ten years old. It was my dream coming true: having a baby I could carry in my arms, change his diapers and feed him. I had no idea how hard it would turn out to be nor that it was an experience I would relive four years later (we will get to it).
My brother was one of the most beautiful babies I have ever seen, he was terribly cute and I could hug him forever.
Today (yesterday) he turned sixteen and I don't know how could time fly like this: he is already older than I was when I first met him, he tried a glass of wine for the alledged first time and he has a girlfriend. That same girlfriend talked to me as I were an adult. I could understand why: I'm small, I behave like a child, I laugh and speak loudly but, in the end, I'm ten years older than her, I've already finished college and I'm married.
Today I felt - I think for the first time - like an old person.

3 comments:

Sefa said...

Depois deste post, fiquei a saber que temos mais ou menos a mesma idade. O meu mano tem 16 anos e tal como tu, fiquei imensamente feliz quando soube que iríamos ser 3 irmãos. Sempre quis que fosse rapaz, pois já tinha uma irmã mais velha. :)

Um beijinho e parabéns ao teu mano.

Josefa.

_+*Ælitis*+_ said...

Same here. O meu irmao nasceu quando eu tinha 8. Agora tem 19 e já conduz (eu nao). O tempo passa!

Homero Couto said...

A minha ilusão que era um teenager durou mais dez anos que a tua. Tomei consciência disso quando num grupo de (verdadeiras) adolescentes uma virou-se para a outra e perguntou: `o que é que o senhor disse?` referindo-se a mim. Não sabiam nada da minha vida mas acho que a aparência me traiu. Não me deixei ir abaixo, sinto-me e continuo um jovem até hoje e não são os anos a passar que me vão fazer velho... e a ti também não!!!!