To read any post in English, click on Read more.

In other words...

Tuesday, 1 May 2012

Dia do trabalhador


Não passei o feriado no Pingo doce, não andei ao estalo por um pacote de arroz, não trouxe para casa 100€ em compras por metade do preço, não demorei três horas a dividir as compras pela despensa, pelo frigorífico e pelo congelador, não acabei o feriado com dores nas costas nem nos pés nem com a cabeça em água, nem vou estar, daqui a um mês, a deitar comida fora porque deixei o prazo passar.
Mas passei à porta de um Pingo doce, quando ia fazer algo mais interessante do que compras, e vi-o cheio de gente e de carrinhos. À porta, na rua, mal se passava porque os carros estavam mal arrumados em terceira fila.
Não passei o feriado no Pingo doce e não sinto uma ponta de arrependimento.

3 comments:

*C*inderela said...

eu nem sai de casa, não me apeteceu ser esmagada contra uma secção qualquer ... LOL.

Bjokas

Life is what it is said...

Eu estive lá 2h, nem foi muito para quem lá esteve 4 e 5 horas lol.
So fui quando não havia tanta gente e estava quase a fechar. Não arranjei arroz nem açucar mas trouxe carne, alguma massa, leite e cereais entre outros produtos. Não me arrependo visto dar para 2meses e serem coisas que não passam de prazo!
2 h nem foi tão mau como isso e ainda deu para rir de certas situaçoes :)
Beijinhos e obrigada pela visita!! :D

Pics said...

*C*inderela, eu saí, mas também não me deixei ser esmagada contra o feijão ;)

Life is what it is, gabo-te a coragem! Eu não conseguiria fazer compras decentes sob pressão, por isso é que falei no prazo. Acabaria por comprar coisas de que nem iria precisar, apenas porque podia.