To read any post in English, click on Read more.

In other words...

Saturday, 9 June 2012

Aventuras capilares


Andei meses a tentar arranjar coragem para ir cortar o cabelo, coisa que não fazia desde outubro, pelo que a simples tarefa de me pentear começava a ser dolorosa. Entrei num cabeleireiro que proclama ser orgulhosamente português e fui atendida por uma brasileira que, embora não tenha jeitinho nenhum para lavar cabelos, cortou o meu tal como eu queria: menos de dois dedos, escadeado e em triângulo. No final, e apesar de a ter informado de que estava a chover, dedicou uma meia hora a esticar-me o cabelo demorada e perfeitamente.
Fiquei satisfeita com o resultado e já posso deixar crescer o cabelo durante os próximos seis meses, sem me queixar de cada vez que lhe passo a escova.

1 comment:

Anna said...

O meu precisa é de qq coisa para o segurar, anda-me a cair tanto...